Geral

Inseticida natural para combater pulgões e cochonilhas

inseticida natural pode apresentar efeitos variáveis sobre os insetos como interferir no desenvolvimento, causar esterilidade, paralisia, ser tóxico ou repelente. Normalmente se pensa que um inseticida natural não é tóxico para o ser humano, no entanto, procure usar equipamentos de proteção quando aplicá-lo. É importante verificar as substâncias da formulação, pois alguns inseticidas naturais apresentam toxicidade para os mamíferos.

Pulgões

Os pulgões, afídeos ou piolhos das plantas são pequenos insetos que podem causar muitos danos as plantas, principalmente as ornamentais como as orquídeas. Os pulgões sugam a seiva das plantas e produzem um líquido açucarado e pegajoso, conhecido como honeydew. O excesso dessa substância pode levar a proliferação de fungos e, consequentemente, a diminuição da fotossíntese da planta. O honeydew também atrai outros insetos como as formigas, que se alimentam dessa substância. Além disso, os pulgões podem transmitir doenças para as plantas através da introdução de substâncias tóxicas.

Pulgões
Pulgão-verde-dos-cereais (Schizaphis graminum)

Cochonilhas

As cochonilhas são insetos pequenos que apresentam uma variedade de formas e cores. Também como os pulgões as cochonilhas sugam a seiva das plantas e secretam o honeydew.  As cochonilhas ficam nas folhas, junções, ramos das plantas e muitas vezes estão escondidas embaixo do substrato. Por exemplo, as folhas da orquídea com cochonilhas ficam amareladas e sem vida. É importante separar a planta que está com a praga das outras para que não haja propagação. As joaninhas são ótimos predadores de pulgões e das cochonilhas, então tê-las por perto é sempre bom.

Cochonilha

Cochonilha em orquídeas

Inseticida natural: Calda de fumo, extrato de folhas e sementes de neem

Fumo (Nicotiana tabacum L.)

A nicotina é um alcaloide e o princípio ativo do fumo ou tabaco. Tem uma ação tóxica para os insetos atuando no sistema nervoso central. A calda de fumo é usada no controle de pulgões, cochonilhas, percevejos e vaquinhas. Não use a calda em roseiras, pois a nicotina é tóxica para elas.

Estrutura química da nicotina

Planta de neem

A árvore de neem é nativa da Índia e possui diversas substâncias, em especial a azadiractina, uma substância tóxica para os insetos que inibe a alimentação e desenvolvimento, ainda, é um excelente fungicida e tem efeito repelente. Sua toxicidade é baixa para o ser humano e organismos benéficos. Tem ação efetiva no controle de muitas pragas como cochonilhas, pulgões, lagartas, besouros, moscas brancas, etc. O óleo de neem é vendido comercialmente em muitas floriculturas.

Estrutura química da azadiractina

Calda de fumo 1

  • Fumo de corda
  • Sabão de coco
  • Álcool
  • Água

Modo de preparo:

Misturar em uma garrafa de plástico 100 g de fumo de corda picado com 500 mL de álcool e 500 mL de água. Tampe a garrafa e deixe descansando por 15 dias em um local sem luz.
Solução de sabão de coco: Dissolva 10 g de sabão de coco em 500 mL de água quente e complete o volume para 1 litro com água fria. Misture o extrato de fumo com a solução de sabão de coco até estarem completamente homogeneizadas. Você pode usar nessa concentração em uma situação mais extrema para combater as pragas, ou pode diluir a mistura na proporção de 1:2 quando a incidência de pragas for amena.
Observação: Misture a solução de sabão de coco e extrato de fumo somente quando for aplicar nas plantas. Enquanto não usar o extrato de fumo manter a garrafa em um local sem incidência de luz.

Calda de fumo 2

  • Folhas e talos de fumo
  • Sabão
  • Água

Modo de preparo:

Dissolver 50 g de sabão em 2 litros de água quente e completar o volume para 15 litros com água fria. Nessa solução misturar 1 kg de folhas e talos de fumo picados e deixar de repouso por 24 horas. Coar com um pano e pulverizar posteriormente.

Veja o vídeo abaixo de como fazer a Calda de fumo:

Extrato de folhas de neem

Coletar as folhas de neem com os talos e colocar na sombra para secarem por cerca de 10 dias, até ficarem desidratadas e quebradiças. Separar os talos e moer as folhas, você pode usar um liquidificador caso não tenha um moedor. Use de 100 a 150 g de pó de folha de neem para cada litro de água. Misturar o pó com a água homogeneizando bem, e deixar descansando por 1 dia. Posteriormente, coar com um pano e colocar em um pulverizador.

Extrato de sementes de neem 

Triturar 15 g a 30 g de sementes de neem no liquidificador ou moedor, e deixar em 1 litro de água por 12 horas. Agitar a mistura a cada 2 horas. Posteriormente, coar com um pano, colocar o inseticida natural em um pulverizador e aplicar.

Aplicação do inseticida natural nas plantas

Leia também o texto de Como Cuidar de Orquídeas.

Referências:

Embrapa. Circular Técnica 88 (ISSN 1679-1150), 2006. Uso do Extrato Aquoso de Folhas de NIM para o Controle de Spodoptera frugiperda na Cultura do Milho.

ResearchGate. Uso de inseticidas botânicos no controle de pragas. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/268358966

Embrapa. Documento nº 28 (ISSN 1517-1329), 2001. Produtos alternativos para controle de doenças e pragas em agricultura orgânica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *